terça-feira, 15 de abril de 2014

Como fazer a progressiva durar mais


Cuidados para preservar o efeito liso dos fios e a saúde dos cabelos tratados com a química.


 

Portal iG, especial para a TRESemmé


No mundo dos sonhos de quem quer fugir das ondas, cachos e excesso de volume o ideal seria poder repetir a progressiva sempre que a gente quisesse os cabelos lisinhos e sedosos. Mas a técnica está cercada de polêmicas, envolve produtos químicos poderosos e deve ser repetida em intervalos de no mínimo três meses. Então o que fazer para prolongar ao máximo o efeito da escova progressiva?




Na praia ou na piscina não esqueça do protetor solar
Os filtros solares protegem os fios do ressecamento. Use também um leave in antes de entrar na água
Muitos especialistas não recomendam e até não incentivam o uso da progressiva. É o caso de Patrícia Maciel, tricologista e terapeuta capilar com especialização no Japão. Para ela, no longo prazo, o formol que a maioria das fórmulas de progressiva contêm, mesmo em pequenas quantidades, vai acabar provocando o afinamento dos fios e, consequentemente, a queda. Existem, no entanto, alguns cuidados que vão proteger os cabelos, além de prolongar o efeito liso e sedoso e evitar que você caia na tentação de abusar do procedimento. “Hidratar, cauterizar os fios, usar xampus suaves e neutros devem fazer parte desse pacote de cuidados essenciais”, alerta a especialista.
Confira aqui esses e outros conselhos para prolongar o efeito da progressiva e proteger seus cabelos.

Tinja uma semana antes
Assim como a progressiva, as tinturas também são à base de produtos químicos que, em excesso ou combinados contribuem para fragilizar os fios. A ordem correta para fazer os dois procedimentos é: tintura alguns dias antes e progressiva em seguida.

Hidratação, sempre
Manter os fios bem hidratados é regra para qualquer tipo de cabelo. No caso da progressiva, isso é ainda mais necessário. De modo geral, uma ou duas semanas depois do procedimento é bom retomar o ritmo de hidratações semanais em casa mesmo. A receita é clássica e você talvez até já conheça: passe o creme e deixe agir por uns 20 minutos. Para turbinar o efeito cubra o cabelo com papel alumínio e coloque uma touca por cima, para aquecer um pouco. Enxague bem. Outra ideia é fazer uma cauterização. Realizada apenas por profissionais, consiste em selar o fio com uma camada de queratina em alta temperatura. A ideia é ‘encapar’ a haste capilar uma camada protetora que ajuda a manter o tal efeito liso e sedoso por mais tempo, ensina Patrícia Maciel.

Xampus sempre neutros
O pH é um termo da Química que indica se uma substância é ácida, neutra ou alcalina. No caso do nosso cabelo, a camada de água e gordura que reveste os fios é ligeiramente ácida, ou seja, tem entre 4,5 e 5,e de pH. A rigor, para preservar a estrutura do fio e protegê-lo das agressões químicas, você deveria usar produtos com o mesmo pH do seu cabelo. Isso, no entanto, varia de pessoa para pessoa e a informação em geral não aparece nos rótulos dos produtos, a recomendação de Patrícia Maciel é usar xampus neutros, suaves ou de uso contínuo. “Assim você não erra”, avisa a especialista.

Fuja dos xampus anti-resíduos
De novo, uma aulinha de química. A escova progressiva alisa temporariamente o cabelo revestindo os fios com uma camada de queratina líquida combinada com outros produtos químicos que selam o fio. A chapinha quente potencializa o alizamento e completa esse processo de selagem. Os xampus anti-resíduos ou de limpeza profunda, não são “inteligentes”, ensina a tricologista Patrícia Melo. Em vez de eliminar apenas sujeira e resíduos eles eliminam ‘tudo’. Por isso, se quiser prolongar o efeito da progressiva, evite.

Modere na lavagem
Usando o mesmo princípio, a química da progressiva vai saindo com as lavagens e quanto mais você lavar o cabelo, menos tempo o efeito dura. O ideal seria lavá-los apenas duas vezes por semana. No calor, no entanto, isso é quase impossível e ninguém quer que você saia por aí de cabelo sujo, mas tente manter as lavagens apenas 3 vezes por semana.

Use leave in e produtos que ajudem a preservar a impermeabilização dos fios.
Ao contrário dos xampus e condicionadores que devem ser enxaguados, os cremes leave in permanecem no cabelo e ajudam a formar uma película que impermeabiliza o fio. Resultado, aquela tal camada de química da progressiva acaba sendo protegida e o efeito liso dura mais tempo.  Isaura Takayama, do Celeste Cabeleireiros, em São Paulo, no entanto, adverte: “Quem tem cabelo oleoso precisa usar esse tipo de produto com muito cuidado e só nas pontas, para não melar o cabelo”.

Seu aliado, o secador
Nos primeiros tempos, o efeito da progressiva faz a gente sentir que nem precisa mais de secador, basta sacudir os cabelos e eles ficam naturalmente arrumados. Com o passar dos dias, no entanto, essa sensação vai diminuindo e o secador, ao contrário, pode dar uma ajudinha e ‘reavivar’ o efeito da progressiva. Eventualmente, talvez você nem precise usar a escova, basta o jato quente para fazer ‘voltar’ o liso. Tome cuidado, no entanto, para manter o secador a uma distância de pelo menos dois palmos dos fios. Assim o ar quente não danifica a delicada estrutura do cabelo.

Mas proteja o cabelo do calor
Sim, não apenas a progressiva, mas a maioria dos produtos que prometem alisamento dos fios é ativada pelo calor. Ou seja, o jato quente do secador ajuda a prolongar o efeito liso. Mas para evitar que o calor danifique os fios, você deve se acostumar a passar um protetor térmico com ação anti frizz antes de começar a secar. Capriche na raiz que é o primeiro lugar onde o liso desaparece e finalize com um jato frio para ‘fechar’ a cutícula.

Cuidados na praia e na piscina
Usar protetor solar nos cabelos e aplicar leave in depois de entrar no mar ou na piscina são cuidados básicos que você sempre deve tomar, principalmente se tiver feito progressiva. Afinal, a água salgada e o cloro eliminam a química mais rapidamente, diminuindo o efeito liso. Nessas situações, o ideal é dar um banho água doce nos fios sempre que sair do mar ou da piscina. Nada que uma garrafinha de água mineral não resolva. E não se esqueça de quanto mais você molhar e lavar seus cabelos, mais rápido o efeito liso vai desaparecer. Então, se o negócio for proteger sua escova a todo custo, a alternativa é não exagerar.

Dormir com cabelo molhado,  jamais
Dormir com cabelo molhado é sempre ruim. Para os fios que passaram por processos químicos é ainda pior. Eles podem se quebrar muito mais facilmente, sobretudo se, além de molhados, estiverem presos num rabo de cavalo, por exemplo. Evite. Seque um pouco com secador e nunca use elásticos apertados no cabelo.

Por Ana Falchi

TRESemmé

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Follow by Email

Postagens populares

Beauty And Fashion Tips

Social / Moda / Cosméticos